Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
PSD exige que o contrato de concessão do serviço postal que está em vigor seja cumprido
Jorge Mendes destacou a importância do papel do regulador.
Jorge Mendes acusou os partidos da esquerda de não estarem preocupados com a qualidade dos serviços prestados pelos CTT, com a pretensa degradação dos mesmos, mas sim com questões ideológicas de fundo. “A esquerda, em especial a radical, defende que o serviço público tem de ser prestado por entidade pública e, no limite, só há bom serviço público se for prestado por entidades públicas. O que está aqui em causa é que a esquerda radical não perdoa a privatização dos CTT. O que está aqui é causa é o timing da agenda política e mediática da esquerda radical, que precisa de trazer ao debate temas, quiçá fraturantes, típicos de períodos revolucionários, para vincar posições em contraponto à estratégia ou ausência desta, da parte do PS.”

Para Jorge Mendes, tão ou mais grave que a postura da esquerda radical é o comportamento do PS. Refere o social-democrata que os socialistas parecem “gostar de uma coisa e do seu contrário”. “Este PS finge como o outro poeta, ora procurando cativar a extrema esquerda, ora posicionando-se mais ao centro, porque Portugal é, é bem relembrar, um estado de direito e deve, acima de tudo, honrar os seus compromissos”.

Sublinhando a responsabilidade do PSD, Jorge Mendes frisou que os sociais-democratas exigem que o contrato de concessão do serviço postal que está em vigor seja cumprido, nos termos das bases contratadas, sob vigilância da ANACOM e Governo. “Mais do que qualquer outra força política, o PSD espera do regulador ANACOM rigor e bom senso e que exerça cabalmente a suas funções de regulador, ao invés de se comportar, como parece em algumas intervenções sobre o setor, como ator político. Ao Governo cabe a definição e as orientações políticas para o serviço postal Universal em Portugal, tendo em conta o enquadramento comunitário.”
12-03-2020 Partilhar Recomendar
17-02-2010
Matos Rosa questiona Ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações sobre o desempenho logístico nacional
    Matos Rosa alertou os deputados para a queda do 28.º lugar em 2007 para o 34.º lugar em 2010 do Indice de Desempenho Logístico do Banco Mundial
15-02-2010
Deputados do círculo eleitoral da Guarda contestam suspensão da concessão da rede rodoviária da Serra da Estrela
    Suspensão do Concurso Público põe em causa o desenvolvimento do Interior
Início Anterior
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
08-04-2020 Sessão Plenária
16-04-2020 Sessão Plenária
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas