Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“O PSD está e estará sempre do lado dos produtores agrícolas nacionais”
Nuno Serra manifestou a indisponibilidade dos sociais-democratas para criar mais entraves à produção, ao escoamento e à comercialização dos nossos produtos agrícolas.
No debate de iniciativas do PEV e do PAN sobre as regras de rotulagem para os alimentos geneticamente modificados, Nuno Serra afirmou que a insistência destes partidos com estas iniciativas pode significar que a visão destes partidos do mundo agrícola e do desenvolvimento rural “é de tal limitada que se concentra em três ou quatro iniciativas”, ainda para mais profundamente penalizadoras para os nossos agricultores, para o nosso tecido económico e social e para o nosso país”.
Passado um ano do último debate desta matéria, o parlamentar afirmou que o PSD reforça as ideias que elencadas na altura: “as iniciativas em discussão ignoram a ciência e inclusivamente as normas estatísticas, relativas ao intervalo de confiança e à margem de erro. Mas, infelizmente isso já não nos surpreende. Estes partidos não querem, nem se interessam pela ciência. Pretendem usar rotulagem para os seus propósitos políticos e não para aumentar a transparência ao consumidor ou valorizar a produção nacional.”
De acordo com o parlamentar, estes partidos que querem rotular, relativamente à presença de OGM, são os mesmos que defendem a introdução das bebidas derivadas da SOJA, bebidas estas que vêm de países 3º, com uma enorme pegada de carbono e praticamente todas sujeitas a organismos geneticamente modificados. “São estes partidos que se dizem defensores da pequena agricultura e agricultura familiar. Pois bem, são medidas como estas que acabam com a pequena agricultura e com a agricultura familiar.”
A terminar, Nuno Serra recordou que Portugal já tem regras apertadas no que diz respeito a rotulagem de OGM e um enorme controlo na produção e comercialização dos géneros alimentícios, que garantem à população qualidade e segurança alimentar das produções agrícolas face a outros blocos económicos. “O PSD está e estará sempre do lado dos produtores agrícolas nacionais. Por isso defende um reforço da rotulagem, mas sim para o local de origem em todos os produtos alimentares, de modo a que as escolhas dos consumidores possam ser mais conscientes. Não estamos disponíveis para criar mais entraves à produção, ao escoamento e à comercialização dos nossos produtos agrícolas.”

15-02-2019 Partilhar Recomendar
17-03-2010
PSD denuncia a necessidade de uma nova política para a agricultura
    Deputados alertam Governo para os problemas do sector
16-03-2010
Carla Barros interpela ministro da Agricultura sobre mau tempo na região de Entre-Douro-e-Minho
    Apelo feito na Comissão de Agricultura, Florestas e Pesca surge a sequência da visita da deputada às explorações agrícolas afectadas pela intempérie
16-03-2010
PSD quer recursos efectivos para formação e investigação nas Pescas
    Ulisses Pereira defendeu esta terça-feira a disponibilização de recursos técnicos, materiais e humanos para as áreas da investigação e da formação no sector das pescas
12-03-2010
Matos Rosa interpela Ministro das Finanças sobre possiblidade de encerramento de repartições de finanças
    O deputado Social-Democrata receia que o Orçamento do Estado para 2010 contribua para o encerramento de muitos daqueles "serviços de proximidade"
19-02-2010
Deputados do PSD questionam Ministro da Agricultura
    Foram 10 os deputados do PSD que pediram esclarecimentos ao Ministro durante a discussão do Orçamento para o sector
Início Anterior
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas