Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Trabalhadores das Pedreiras laboram em condições desgastantes e com enorme custo para a sua saúde
Luís Vales recordou que foi o PSD que apresentou uma iniciativa para que estes trabalhadores tenham acesso a um regime especial de reforma.
O Parlamento apreciou, esta quinta-feira, uma Petição através da qual mais de 4100 cidadãos solicitaram à Assembleia a definição de reformas justas e o reconhecimento da profissão de pedreiro como de desgaste rápido. Em nome do PSD, Luís Vales começou por saudar a forma empenhada, resiliente e corajosa como os Pedreiros da região do Tâmega e Sousa se bateram por esta causa. “De facto, estes homens que todos os dias trabalham em condições desgastantes e com enorme custo para a sua saúde, viram em sede de Orçamento do Estado para 2019 as suas pretensões atendidas por iniciativa do PSD. Pode bem o PS vir aqui defender que foi o governo a inscrever esta questão no Orçamento, mas sendo intelectualmente honestos, saberão que se tratava de um logro, pois o governo apenas queria que fossem abrangidos os Pedreiros da extração da Pedra, que iria abranger cerca de 170 trabalhadores no País. Ou seja, uma clara minoria face ao universo total de profissionais da pedra. Foi exatamente contra este logro que o PSD se insurgiu e apresentou uma alteração ao Orçamento do Estado onde incluiu os Pedreiros da transformação Primária da Pedra”.
Segundo o social-democrata, em boa hora o PSD o fez, porque permitiu que milhares de profissionais possam hoje aceder antecipadamente às pensões de invalidez e de velhice.
De seguida, o parlamentar enfatizou que “nunca é demais olharmos para estes profissionais. Sendo eu da região do Tâmega e Sousa, conheço de perto as condições de trabalho destes profissionais e os problemas de saúde que têm, nomeadamente os respiratórios devido à silicose. Esta doença é altamente incapacitante e geradora de grande sofrimento para os seus portadores. Penafiel e Marco de Canaveses são dos concelhos onde a incidência de Tuberculose é mais assinalável. Curiosamente, são dois concelhos onde esta atividade está muito presente”.
Tendo em conta a realidade destes profissionais, Luís Vales afirmou que as pessoas que começaram a trabalhar com 12 ou 13 anos e que têm carreiras contributivas longuíssimas merecem que o Estado, que todos nós, sejamos solidários com eles. “E assim foi. Hoje, estes homens sabem que o Parlamento os ouviu e que valeu a pena o «caminho das pedras» que trilharam durante estes anos. Hoje, estes homens sabem que terão uma reforma ainda a tempo de a viverem com saúde. Esta foi uma vitória dos Pedreiros, mas também uma vitória de todos, dada a justeza desta medida. É por uma sociedade mais justa e mais solidária que o PSD se bate todos os dias.”

08-02-2019 Partilhar Recomendar
31-05-2019
“O diálogo e a negociação são marcos fundamentais na construção das relações laborais”
    Pedro Roque considera que a busca pelo interesse comum está nos antípodas da instrumentalização dos trabalhadores e da sua utilização como peões no combate ideológico.
30-05-2019
GPPSD lança “+CIDADÃO +DEMOCRACIA”
    O líder parlamentar do PSD vai receber cidadãos já a partir de 4 de junho.
29-05-2019
Mercês Borges alerta para a ausência de respostas para o envelhecimento populacional
    A deputada afirmou que é crucial olhar para estas pessoas com enorme respeito e procurar as respostas mais adequadas.
13-05-2019
Cativações e cortes no investimento. “Chama a isto boa gestão das contas públicas?”
    Fernando Negrão acusou António Costa de fazer um “brilharete nas contas” à custa de corte no investimento.
09-05-2019
“Em 2018 havia mais 73 mil precários do que no ano da troika”
    Para Susana Lamas este é o “retrato da incapacidade do governo”.
09-05-2019
Clara Marques Mendes: “Portugal é um dos países com as maiores taxas de precariedade da União Europeia”
    A deputada considera que “o governo falhou”.
02-05-2019
António Costa “foi cúmplice” da chegada do país à bancarrota
    Fernando Negrão afirmou ter vergonha desse governo socialista que levou o país à bancarrota.
26-04-2019
Governo está a atrasar propositadamente o processo de integração dos precários
    Segundo Álvaro Batista isso acontece porque o executivo está a utilizar os fundos comunitários para pagar a estes trabalhadores.
26-04-2019
Carla Barros: nem no tempo da troika havia tantos precários
    A deputada alerta que hoje há mais 73 mil precários do que em 2011.
17-04-2019
PSD desafia todos os partidos para resolver o problema da Segurança Social
    Fernando Negrão frisou que a resolução deste problema não pode continuar a ser adiada.
Início Anterior Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas