Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Programa de apoio à redução do valor dos passes é uma “medida perversa, injusta e iniqua”
Carlos Silva lembra que este programa deixa de fora 6 milhões de portugueses que não vivem nos grandes centros urbanos.
No debate do Projeto de Resolução do Bloco que recomenda a adoção de medidas que garantam o acesso de todos os utilizadores de transporte público ao programa de apoio à redução tarifária, Carlos Silva começou por reconhecer que esta media foi gizada a coberto de boas intenções, dá incentivos corretos à melhoria da qualidade do ar, melhora a mobilidade nas cidades, diminui a importação de combustíveis e automóveis, contribuindo para a redução do défice da balança comercial.
Contudo, adianta o social-democrata, para serem levadas a sério estas medidas têm de estar articuladas, com a melhoria da oferta de transporte público, mais e melhores comboios metros e barcos, melhoria das práticas de gestão destas empresas que se encontram completamente subfinanciadas e vítimas das cativações, e devem ser medidas estendidas a todo o país sem exceção, inclusive zonas onde hoje em dia os cidadãos não têm transporte público como opção possível, viável ou desejável.
De seguida, o parlamentar afirmou que o Orçamento para 2019 “é um instrumento reforçado do eleitoralismo do governo socialista”, acrescentando que “a cereja no topo do bolo desta ferramenta de caça ao voto, é o Programa de Apoio à Redução do valor dos passes, medida perversa e desigual, injusta e iniqua, pois deixa de fora 6 milhões de portugueses que não vivem nos grandes centros urbanos”.
Depois de elencar um conjunto de perguntas a que o governo continua sem dar uma resposta, Carlos Silva concluiu a sua intervenção recordando que a redução tarifária nas Áreas Metropolitanas de Lisboa e Porto têm data marcada: 1 de abril. “Já no resto do país a operação parece ter ficado para as calendas. O governo socialista cria desigualdades ao promover cidadãos de primeira e de segunda, e não tem qualquer preocupação com a promoção da universalidade, equidade e justiça social. Enfim, temos um verdadeiro «forrobodó eleitoralista» à solta.”

31-01-2019 Partilhar Recomendar
05-07-2019
PSD defende a suspensão imediata da linha circular do metro de Lisboa
    De acordo com Carlos Silva, os sociais-democratas querem também que se proceda à realização de estudos técnicos e de viabilidade económica para a futura expansão da rede.
21-06-2019
Carlos Silva traça cenário caótico nos transportes públicos
    O social-democrata recorda que “nunca os utentes tiveram tantos horários suprimidos”.
06-06-2019
Fernando Negrão confronta António Costa com a situação de rutura nos transportes
    O líder parlamentar do PSD referiu-se ainda à distribuição de bónus pela TAP, ao mesmo tempo em que a empresa regista 100 milhões de euros de prejuízos.
05-06-2019
Passes sociais: uma boa medida, com um mau modelo
    António Costa Silva enfatizou que não é por se repetir muitas vezes a mentira de que o PSD é contra os passes sociais que essa mentira se torna verdade.
05-06-2019
Jorge Paulo Oliveira: dependência energética aumentou com este governo
    O deputado afirmou que a realidade não coincide com o discurso do governo de combate às alterações climáticas.
05-06-2019
Programa de Apoio à Redução do Tarifário dos Transportes tem registado problemas crescentes
    Considerando que esta até era uma boa ideia, Paulo Rios de Oliveira afirmou que este Programa é todos os dias notícia pelos maus motivos.
05-06-2019
Transportes: reclamações apresentadas pelos utentes no Porto aumentaram 93%
    Germana Rocha considera que estes números demonstram uma notória falta de soluções e resultam do mais baixo investimento público de que há memória.
05-06-2019
Retirada de bancos dos transportes públicos não preocupa o Secretário de Estado “que continuará a andar no seu carrinho”
    Bruno Vitorino criticou a postura do executivo e traçou um cenário negro dos transportes na região de Setúbal.
05-06-2019
PSD vai apresentar ao país um plano de emergência para o setor dos transportes
    Carlos Silva sublinhou que os sociais-democratas pretendem dar resposta à degradação do serviço público de transporte de passageiros.
31-05-2019
Governo sabia que estava a “enganar os portugueses” quando fazia cativações
    Fátima Ramos recordou as consequências das cativações nos transportes públicos.
Início Anterior Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
02-06-2020 Comissões parlamentares
03-06-2020 Debate quinzenal com o Primeiro-Ministro
03-06-2020 Comissões parlamentares
04-06-2020 Sessão Plenária
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas