Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Tempo de serviço dos professores: PS prometeu, mas não cumpriu
Na reunião com a Delegação da Associação Nacional de Professores, Sara Madruga da Costa distinguiu a postura diferente do Governo Regional da Madeira.
A solução encontrada pelo Governo Regional para recuperar o tempo de serviço dos professores que lecionam na Madeira teve um grande impacto a nível nacional, sendo amplamente elogiada não só na Região, mas também no Continente e nos Açores. A constatação é de Sara Madruga da Costa, após uma reunião com os órgãos dirigentes da Delegação da Madeira da Associação Nacional de Professores (ANP).
“Graças ao Governo Regional, à Autonomia e à Social-Democracia, os professores da Madeira serão os únicos do País a ter o seu tempo de serviço contabilizado. O Governo Regional arranjou uma boa solução para os professores elogiada a nível nacional por todos os sindicatos, inclusive nos Açores”, referiu a parlamentar.
Uma posição reforçada pelo professor e presidente da ANP. “Esta é a única zona do País que vai ter a recuperação do tempo de serviço. Isso não vai acontecer no Continente nem nos Açores”, disse Luís Alves, sublinhando que a contabilização da totalidade do tempo de serviço dos professores – nove anos, quatro meses e dois dias – é “benéfica” e significa uma “lufada de ar fresco” para todos os professores da Madeira.
“Tivemos alguns associados a nos contactar para saber quando seria o próximo concurso aqui na Região, porque gostariam de regressar à Madeira para tentar beneficiar dessa medida”, confessou o presidente da ANP.
Em contraponto, Sara Madruga da Costa, aponta a “trapaça” e o “embuste” do Governo Central em relação aos professores, dizendo que a situação a nível nacional é bastante preocupante. “A promessa do governo da geringonça aos professores para o descongelamento das carreiras não está a ser cumprida”, frisou a deputada, acusando António Costa de ter “mentido” e “enganado” os docentes.
Lembrando que foi o governo socialista de José Sócrates que congelou a carreira dos professores e que foi o governo socialista de António Costa que, em 2017, prometeu que iria descongelar a carreira e contabilizar a totalidade do tempo, Sara Madruga da Costa, sublinha que neste momento “não há nenhum acordo a nível nacional” com os professores que estão “muito preocupados” e “defraudados” com esta situação.
“À boa maneira do PS e da geringonça, que promete mas não cumpre”, a deputada do PSD na AR, exemplificou com outras promessas do Primeiro-Ministro que estão na gaveta, como o novo hospital ou o subsídio de mobilidade.
Sara Madruga da Costa falou também sobre a prática socialista na Região. “Também à «boa maneira socialista» temos um presidente de Câmara que também se comprometeu com os funchalenses em governar a Cidade, e dois meses depois de tomar posse já abandonou esse compromisso.”
Por isso exortou: “Precisamos de governantes que governem e que honrem os seus compromissos” defendeu, enaltecendo o trabalho do Governo Regional da Madeira. “Resta-nos, a uma semana da celebração do Dia da Região, assinalar e saudar mais o bom exemplo do Governo Regional na contabilização do tempo de serviço dos professores na Região, pois são os 43 anos de Autonomia e da Social-Democracia que continuam a permitir-nos governar melhor a nossa Região”, concluiu Sara Madruga da Costa.

28-06-2018 Partilhar Recomendar
07-12-2018
Deputados do PSD eleitos pela Madeira protestam contra a dedução dos Hospitais Dr. Nélio Mendonça e Marmeleiros pelo governo no financiamento do novo Hospital
    Sara Madruga da Costa, Rubina Berardo e Paulo Neves exigiram ainda a concretização do compromisso de pagamento de 50% da obra de construção do novo Hospital.
27-11-2018
É lamentável a forma como a esquerda tratou as questões fundamentais para a Madeira
    Sara Madrugada Costa acusou PS, BE e PCP de chumbarem todas as propostas dirigidas à região.
26-11-2018
Paulo Neves quer que o Estado assuma as suas responsabilidades de apoio à mobilidade dos madeirenses
    O social-democrata desafiou os socialistas a apoiarem as iniciativas do PSD.
26-11-2018
Novo Hospital da Madeira: Sara Madruga da Costa lamenta que a “aldrabice” do governo continue
    A deputada desafiou os partidos da esquerda a apoiaram as propostas do PSD que visam corrigir esta injustiça com os madeirenses.
31-10-2018
Sara Madruga da Costa: Orçamento do Estado é péssimo para a Madeira
    A deputada considera que o documento foi feito para enganar os portugueses.
30-10-2018
“O PS não perdoa os madeirenses por terem dado 49 vitórias eleitorais ao PSD e nenhuma ao PS”
    Paulo Neves assegurou que o cerco que António Costa está a fazer à Madeira o vai levar a uma nova derrota.
29-10-2018
Rubina Berardo acusa o governo de cativar 120 milhões em transferência devidas à Madeira
    A deputada considera que estamos perante um executivo que “encena e dissimula”.
29-10-2018
“Orçamento do Estado é uma farsa também para a Madeira”
    Segundo Sara Madruga da Costa os madeirenses já perceberam que foram enganados pelo governo.
19-10-2018
Madeira: Sara Madruga da Costa reúne com produtores de sidra
    No encontro, a deputada constatou a injustiça criada pelo Orçamento das esquerdas.
12-10-2018
Hospital da Madeira: deputados do PSD eleitos pela Região exigem a correção da decisão do Conselho de Ministros
    Os sociais-democratas exigem que António Costa honre o compromisso assumido de financiar a obra em 50%.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas