Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“Este governo ficará conhecido como aquele que enganou os professores”
Amadeu Albergaria considera que “chegou o tempo de os professores dizerem basta”.
No debate da Petição que solicita o reposicionamento dos professores na carreira, de acordo com o Estatuto da Carreira Docente, Amadeu Albergaria enfatizou que “o tempo e a realidade têm vindo a dar razão ao PSD”. Segundo o deputado “este governo ficará conhecido como aquele que enganou os professores, como aquele que desrespeitou os professores, como aquele que dececionou os professores. Vimos isso no descongelamento das carreiras, vimos isso na negociação da contabilização do tempo de serviço, vimos isso no concurso de mobilidade interna”. Tendo em conta esta realidades, o social-democrata considera que “chegou o tempo de os professores dizerem basta: basta de enganos, basta de conversa fiada, basta de arrogância”.
De seguida, o deputado lembrou que “na discussão do Orçamento o PSD perguntou se o governo assinara o acordo de compromisso sem dados e qual seria o período de congelamento que o Ministério considerava para a valorização remuneratória. O Governo não respondeu. O PSD perguntou ainda qual era o cenário base da sua proposta, atendendo à sustentabilidade e contabilização com os recursos disponíveis. O Governo também não respondeu. Hoje é evidente que o tão propalado diálogo permanente com os sindicatos é na verdade um monólogo da secretária de Estado Adjunta. Greves, protestos, concentrações: este é o clima de paz social que na Educação se vive”.
A terminar, Amadeu Albergaria enfatizou que este governo este governo tem como cúmplices o PC, BE e PEV, destacou a “farsa” da iniciativa do BE e rematou declarando que “não há memória de tantas trapalhadas, de tantos erros e de tantos enganos sucessivos nos concursos de professores.”

18-05-2018 Partilhar Recomendar
22-02-2019
Amadeu Albergaria: “o governo cativou a educação”
    O deputado lembrou que Portugal tem a maior carga fiscal de sempre, mas as escolas estão à míngua.
22-02-2019
Os portugueses sentem na pele os efeitos do grave desinvestimento no Serviço Público de Educação
    Segundo Germana Rocha os portugueses estão cansados de ver a execução substituída pela cativação.
22-02-2019
“Também na educação esta foi uma legislatura perdida”
    Pedro Pimpão defende que os portugueses precisam de respostas concretas e não de escapatórias, promessas e anúncios.
22-02-2019
“O Investimento em Educação é fundamental para o futuro do país”
    Margarida Mano considera que as consequências da atual governação estão à vista: professores desmotivados, pais revoltados e assistentes operacionais que escasseiam.
20-02-2019
“Menos 1.500 milhões de euros em investimento público. É isto o fim da austeridade?”
    No debate da Moção de Censura, Emídio Guerreiro frisou que “os problemas do país resolvem-se cumprindo com o que se promete e não com palavras, anúncios e propaganda”.
08-02-2019
Nilza de Sena expressa oposição do PSD a alterações avulsas aos ciclos de estudo
    A deputada considera que o que faz sentido é uma revisão da Lei de Bases da Educação.
31-01-2019
Ana Sofia Bettencourt desafia o governo a dar resposta aos problemas das escolas da região de Lisboa
    No debate de mais uma Petição a solicitar a realização urgente de obras estruturais numa escola, a deputada afirmou que urge encontrar soluções para estes problemas.
31-01-2019
Deputados do PSD denunciam condições de segurança da escola secundária de Ílhavo e exigem requalificação
    Os sociais-democratas eleitos por Aveiro constataram o estado de degradação do edifício.
24-01-2019
Educação Inclusiva: “não basta apregoar inclusão, é preciso praticar a inclusão”
    Margarida Mano adiantou que o governo não acautelou devidamente as condições de operacionalidade do seu diploma.
18-01-2019
“O programa curricular de Estudo do Meio deve ser dinâmico e ajustado às idiossincrasias de cada território”
    Liliana Silva lembrou que o PSD sempre defendeu a flexibilidade do currículo através da autonomia das escolas.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas