Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Caixa Geral de Depósitos: “os portugueses têm o direito de saber qual a teia socialista que provocou o descalabro”
Duarte Pacheco acusou ainda o Bloco de fazer “fretes” ao PS.
No debate de iniciativas sobre a transparência do setor bancário, marcado pelo Bloco, Duarte Pacheco acusou os bloquistas de “comportamento bipolar”, sublinhando que estamos perante mais um “frete” ao PS, “sabe Deus à espera de quê”.
Centrando-se nos factos concretos, o deputado recordou que, na Comissão de Inquérito à Gestão da CGD, o PSD exigiu saber quais os responsáveis pelo buraco gerado no banco púbico, quais os créditos incumpridos e quais os nomes dos decisores que tomaram essas decisões que provocaram tantos milhões de prejuízos. Depois da resistência das instituições públicas em fornecer essa informação, recorda o deputado, o Tribunal da Relação entendeu que essa informação devia ser enviada ao Parlamento. “O PS tremeu e, logo a seguir, o PS com o BE e PCP encerraram os trabalhos da Comissão para que essa informação não chegasse ao conhecimento do Parlamento e dos portugueses”.
Já em abril deste ano, lembra o social-democrata, o líder do PSD fez declarações afirmando que os portugueses têm o direito de saber quem incumpriu com a CGD e o que levou a que mais de 4 mil milhões de euros dos nossos impostos tivessem de ser metidos no banco. “Logo a seguir, o PS tremeu e o Bloco fez novo frete: resolveu falar do sigilo bancário no geral, confundindo milhares com milhões. O que pretende é disfarçar, lançar uma cortina de fumo que afaste as atenções daquilo que estava em cima da mesa”.
Contudo, garante Duarte Pacheco, no PSD “não nos desviamos um centímetro do nosso caminho. Os portugueses têm o direito de saber qual a teia socialista que na CGD provocou o descalabro e a seguir foi fazer o mesmo para um banco privado. O princípio da transparência exige que se conheça quem são os grandes incumpridores, que decisões de crédito foram essas, quem as tomou. É isso que está em jogo”.
A terminar, o parlamentar apelou ao Bloco para que, pelo menos uma vez nesta legislatura, “deixe de ser a muleta do PS, procurando distrair os portugueses e faça o que se exige: vamos, em conjunto, encontrar a melhor solução que permita à Assembleia da República e aos portugueses o acesso à lista dos devedores em incumprimento na CGD e também quem tomou a decisão de conceder aqueles créditos”.

17-05-2018 Partilhar Recomendar
05-04-2019
“Bloco de Esquerda apoia um governo que já injetou mais de 8 mil milhões de euros nos bancos”
    A acusação foi deixada por António Leitão Amaro no debate sobre alterações aos códigos fiscais.
05-04-2019
Previsibilidade fiscal: mais uma promessa socialista que não foi cumprida
    Cristóvão Crespo refere que, em média, o governo muda a lei a cada 3 ou 4 meses.
05-04-2019
“Em 2017 o PSD travou uma proposta do PS que representava uma verdadeira borla fiscal à banca”
    Inês Domingos recordou que em causa estavam alterações ao tratamento dos ativos por impostos diferidos.
15-03-2019
Cativações impediram as entidades reguladoras de efetuar investigações muito importantes
    Para Carlos Silva esta é claramente uma situação lesiva dos interesses do Estado e dos portugueses.
14-03-2019
Para o Bloco a independência do Banco de Portugal só foi efetiva com a presença do Dr. Louçã no Conselho Geral
    Conceição Bessa Ruão criticou a postura dos bloquistas.
13-03-2019
“Governo foge a sete pés da responsabilidade de avaliar a idoneidade de Tomás Correia”
    Adão Silva acusa o executivo de “condescendência” e “cumplicidade”.
07-03-2019
Novo Banco: “queremos conhecer tudo em nome do interesse dos portugueses”
    Adão Silva exigiu explicações a António Costa sobre a “trapalhada” que se revelou a solução encontrada para o Novo Banco.
15-02-2019
Comissão de Inquérito à Caixa: “tudo deve ser apurado, doa a quem doer”
    Duarte Pacheco declarou que o ocorrido na Caixa “é uma verdadeira vergonha”.
06-02-2019
“Aguardar 1000 dias por uma consulta é fortalecer o SNS?”
    No debate quinzenal com o Primeiro-Ministro, Fernando Negrão lamentou que António Costa não “sinta vergonha de ter feito parte do governo que deixou o país em bancarrota”.
30-01-2019
Caixa: “BE, PCP e PS tudo fizeram para que os portugueses não soubessem a verdade”
    Duarte Pacheco frisa que “é tempo de os portugueses saberem a verdade”.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas