Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Pedro Roque alerta para iniciativas que colocam em causa a segurança jurídica dos sistemas providenciais e a sua sustentabilidade financeira
O deputado afirmou que muitas vezes a justiça, o reconhecimento e o mérito das iniciativas dos peticionários podem colidir com questões jurídicas e financeiras.
O Parlamento apreciou, esta quarta-feira, uma Petição que solicita que o suplemento especial de pensão, atribuído aos antigos combatentes, seja substituído pela antecipação da idade da reforma. Em nome do PSD, Pedro Roque começou por saudar os peticionários e neles, simbolicamente, “homenagear os antigos combatentes, não pela violência ou o temor que porventura tiveram de gerar ou pelas baixas que infligiram ao então inimigo, antes pelo que sacrifícios que fizeram, pelo que sofreram e pelos valores que nos legaram”.
Focando-se no texto da Petição, o deputado recordou que nela os peticionários solicitam o reconhecimento cabal dos seus valorosos serviços e sacrifícios, e que legisle no sentido de satisfazer que o Suplemento Especial de pensão seja substituído pela antecipação da idade de reforma, até ao máximo de 5 anos. Face a estas pretensões, o social-democrata frisou que “não está em causa a justiça do reconhecimento de que os antigos combatentes são credores e que todos, sem exceção, na sociedade portuguesa deverão reconhecer. A questão é que a proposta apresentada pelos peticionários vai ao encontro de outros benefícios já constantes na Lei, nomeadamente a contagem de tempo de serviço militar sem pagamento de quotas. Por outro lado, no âmbito do Orçamento de Estado em vigor, já se prevê o reconhecimento geral e contagem integral do tempo de serviço militar obrigatório”, recordou o deputado.
Tendo em conta esta realidade, Pedro Roque afirmou que “estamos perante uma das situações em que a justiça, o reconhecimento e o mérito de quem peticiona pode colidir com os efeitos, muitos deles retroativos, e pôr em causa a segurança jurídica dos sistemas providenciais e a sua sustentabilidade financeira, pelo que importa que eventuais iniciativas sejam bem estudadas do ponto de vista financeiro”, rematou.

31-01-2018 Partilhar Recomendar
06-06-2018
Debate potestativo sobre banhistas deixa claro quais as prioridades do PEV
    Joel Sá manifestou a sua surpresa por ver o PEV deixar de fora do seu debate potestativo temas como os da educação, saúde ou transportes.
06-06-2018
PSD quer que sejam criadas todas as condições para que os banhistas estejam mais seguros nas praias
    Luís Pedro Pimentel garantiu que os sociais-democratas estão disponíveis para trabalhar com todas as forças políticas no sentido de criar uma legislação mais adequada.
06-06-2018
Praias nacionais são um pilar fundamental da nossa estratégia turística
    Rui Silva destacou o papel das autarquias na garantia das condições das zonas balneares.
03-05-2018
PSD defende a atribuição imediata de indemnização às famílias de militares mortos
    A iniciativa dos sociais-democratas foi apresentada pelo deputado Pedro Roque.
29-03-2018
Manuela Tender participou na Cerimónia do Dia da Unidade
    A deputada marcou presença numa cerimónia que contou ainda com o Juramento de Bandeira dos Soldados Recrutas do 1º Curso de Formação Geral Comum de Praças do Exército de 2018.
21-03-2018
Pedro Roque alerta para as complicações das Forças Armadas no combate às calamidades
    O social-democrata fala numa equação difícil de preencher: menos gente nas Forças Armadas e mais missões.
19-12-2017
Pedro Roque recorda que já houve três processos de reintegração de militares e ex-militares ao abrigo do Decreto de 1974
    O deputado referiu que, do ponto de vista no PSD, não faz sentido a abertura de um novo processo com esse propósito.
04-10-2017
Hugo Soares acusou António Costa de liderar o “governo da desresponsabilização”
    O líder parlamentar do PSD lastimou a forma como o Primeiro-Ministro se desresponsabiliza de todos os casos.
18-09-2017
Tancos: passados três meses avolumam-se as interrogações
    Costa Neves considerou que o que ocorreu é de uma gravidade extrema e exigiu respostas ao Ministro da Defesa.
18-09-2017
Sérgio Azevedo enfatiza que “o que e passou em Tancos é um assunto grave”
    O Vice-Presidente da bancada do PSD sublinhou que o alegado furto no Paiol de Tancos põe em causa a segurança do Estado e compromete Portugal no quadro internacional.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas