Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
“O PCP e o BE estão a fazer ao PS aquilo que querem fazer às escolas: tirar a autonomia”
Segundo Luís Montenegro o PS está “refém do comunismo” e aceita “governar a qualquer custo”.
Segundo Luís Montenegro o atual o modelo de gestão das escolas foi implementado em 2008 por um governo do PS. Em 2012, adianta o líder parlamentar do PSD, esse modelo foi melhorado e aprofundado e os resultados são conhecidos e bons: a avaliação que se faz deste modelo é positiva. No debate sobre a iniciativa do PSD que visa reforçar o poder dos órgãos de gestão das escolas, o social-democrata frisou que esta proposta visa aperfeiçoar o modelo e com isso “reforçar a autonomia, a transparência e a credibilidade da gestão escolar. O objetivo é dar mais poder às escolas, assegurar a participação da comunidade local, dos pais às autarquias, das empresas ao movimento associativo. Seja na definição e constituição das turmas, seja na diferenciação pedagógica, seja assegurando a participação dos pais e encarregados de educação, seja no reforço das competências dos órgãos diretivos, a questão que se deve colocar é porque é que o Estado há de ter medo de dar esse poder e autonomia a quem está perto da realidade dos alunos”.
Frisando que o serviço público de educação precisa de qualidade e exigência, cultura de mérito, de garantir conhecimento sólidos e de desenvolver capacidades críticas, o líder da “bancada laranja”, acrescentou que a opção tem de ser nacional e não deve estar refém de complexos ideológicos ou interesses parcelares. “A opção é estratégica e estrutural, é verdadeiramente um desígnio nacional. Não precisamos de estar todos de acordo sobre tudo, mas não podemos abalar as traves-mestras deste modelo. O PS tem mesmo de se definir e dizer se rasga esta opção nacional e se cola à posição radical do PCP e BE, ou se tem a coragem de assumir o seu património. Se o PS desistir da opção nacional de contruir uma escola pública qualificada, competitiva, com autonomia, com exigência, com cultura de mérito, que possa promover a produtividade e competitividade do país, então a conclusão é simpres: este PS quer governar a qualquer custo. Este PS não olha para o futuro do país, olha apenas para o seu dia-a-dia”. Perante a postura assumida pelos socialistas, Luís Montenegro declarou que “o PCP e o BE estão a fazer ao PS aquilo que querem fazer às escolas: tirar a autonomia”.
A terminar, o social-democrata questionou ao PS se 44 anos depois da sua fundação vai aceitar ficar refém do comunismo, ou se vai ser fiel aos seus princípios e ter a coragem de se assumir, permitindo que o projeto do PSD possa ser discutido e assim continuar a melhorar o sistema público de educação.

05-05-2017 Partilhar Recomendar
20-10-2017
PSD Recomenda ao Governo que adote medidas de reforço do apoio às crianças e jovens com cancro
    Proposta dos sociais-democratas abrange os domínios da Segurança Social e Trabalho, Saúde e Educação.
20-10-2017
PSD defende a adoção de medidas que visem a diminuição do peso das mochilas escolares
    Amadeu Albergaria saudou o consenso alcançado no Parlamento.
13-10-2017
“A educação sexual deve ser analisada numa perspetiva ampla do que é a formação cívica e social dos jovens portugueses”
    Margarida Balseiro Lopes criticou PS e BE por apresentarem propostas “desgarradas” e ignorarem os projetos educativos desenvolvidos pelos professores.
11-10-2017
Nilza de Sena: “os resultados das provas de aferição foram desastrosos”
    A deputada lamentou que o PS tenha apontado responsabilidades aos professores.
18-09-2017
Nilza de Sena alerta para o drama de milhares de professores do quadro que foram “desterrados e ultrapassados” devido a uma decisão injusta do governo
    A deputada sublinhou que esta situação deve-se à alteração ao concurso de docentes feita, sem aviso prévio, pelo executivo.
28-06-2017
Professores da Madeira discriminados e excluídos do concurso interno a nível nacional
    Sara Madruga da Costa considera que esta é mais uma situação “inadmissível de bloqueio” por parte do Ministério da Educação.
23-06-2017
Duarte Marques: “PSD ajudou a trazer justiça aos professores dos politécnicos”
    O deputado lamentou que o governo anuncie uma coisa e faça outra.
12-06-2017
Cyberbullying: é dever do governo apostar na informação e na formação das crianças e investir na literacia digital entre pais e professores
    Sara Madruga da Costa refere que no PSD “acreditamos que a linha da frente da luta contra estes crimes é a prevenção”.
08-06-2017
Luís Montenegro acusa o governo de atingir objetivo do défice à custa de cortes na saúde e educação
    O líder parlamentar do PSD confrontou António Costa com as consequências desses cortes cegos.
17-05-2017
Educação: Germana Rocha apela ao BE e PCP para que “se deixem de hipocrisia”
    A deputada considera que bloquistas e comunistas estão a tentar disfarçar a inoperância da maioria parlamentar.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas