Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Teresa Morais alerta para o aumento “muito significativo” dos casos de tráfico de seres humanos
A deputada questionou ao governo que medidas estão a ser implementadas para combater este acréscimo.
Teresa Morais manifestou, esta quinta-feira, a estranheza do PSD pelo desaparecimento do crime de tráfico de pessoas do índice do Relatório Anual de Segurança Interna, tendo sido tratado no domínio da análise da emigração ilegal. No debate com a Ministra da Administração Interna, a social-democrata frisou que embora existam conexões nesta matéria, os graus de gravidade são diferentes e por isso deveriam continuar a ser destacadas individualmente.
Centrando-se nos números, a parlamentar afirmou que as “sinalizações de presumíveis vítimas de tráfico aumentaram 35,6% globalmente, mas se considerarmos as vítimas de tráfico sinalizadas em Portugal o aumento é superior a 68%”. Dirigindo-se à Ministra, Teresa Morais quis saber qual a explicação da governante para o aumento “muito significativo” dos casos de tráfico de seres humanos e que medidas pensa o governo tomar para atacar este acréscimo.
De seguida, a deputada quis saber se para Constança Urbano de Sousa parece crível que sejam apenas 3 as vítimas de tráfico para exploração sexual. “Não lhe parece estranho que estas sinalizações venham praticamente todas das ONG’s e não venham das forças de segurança”, questionou.
A terminar, Teresa Morais manifestou a sua preocupação com o tráfico de crianças e o seu desaparecimento de instituições de acolhimento, questionando à Ministra o que pensa fazer sobre esta matéria.

13-04-2017 Partilhar Recomendar
13-10-2017
Pedrógão Grande: “o relatório aponta falhas técnicas e destas falhas devia resultar responsabilidades políticas”
    Carlos Abreu Amorim apelou à Ministra da Administração Interna e o Primeiro-Ministro que “assumam as responsabilidades e encerrem esta questão com dignidade”.
13-10-2017
Pedrógão Grande: “o tempo da lei da rolha e de sacudir a água do capote esgotou-se. É uma obrigação assumir as responsabilidades”
    Para Marques Guedes o trabalho levado a cabo pela comissão independente é uma “luz de esperança” que contrasta com o “triste passa-culpas”.
11-10-2017
PSD defende reflexão sobre o reconhecimento do risco e desgaste rápido na profissão de profissional de polícia
    A posição dos sociais-democratas foi assumida pela deputada Andreia Neto.
11-10-2017
SEF: José Cesário fala em “saneamento político”
    O Vice-Presidente da bancada do PSD diz que “agora toda a Administração Pública sabe que quem discordar dos senhores do PCP e do Bloco corre o risco de ser afastado”.
03-10-2017
PSD assinala aspetos positivos e negativos do Relatório Anual de Segurança Interna de 2016
    José Silvano deixou ainda o alerta sobre a situação do SIRP e do SEF.
18-09-2017
Governo coloca “o carro à frente dos bois” ao apresentar Proposta de Lei que altera o regime jurídico da segurança contra incêndio em edifícios
    Como o regime de transferência de competências para as autarquias ainda não foi aprovado, António Topa considera que o governo está a pedir um “cheque em branco” ao Parlamento.
05-07-2017
Carlos Peixoto: “António Costa e o PS foram os pais do SIRESP”
    Carlos Peixoto recordou ainda as mudanças feitas pelo governo na Autoridade Nacional da Proteção Civil em véspera do período crítico de incêndios.
05-07-2017
PSD defende criação de um fundo de indemnizações rápidas para as vítimas dos incêndios
    Sara Madruga da Costa frisou que o Estado não pode falhar na ajuda e no apoio às vítimas.
05-07-2017
Pedrógão Grande: “Basta. Queremos respostas e não desculpas”
    José Silvano exigiu mais “autoridade e coordenação” e menos vitimização por parte dos responsáveis.
05-07-2017
“António Costa é rosto do atual modelo do SIRESP”
    Carlos Abreu Amorim recordou que foi o atual Primeiro-Ministro que definiu as valências, as funcionalidades e os deveres do Estado e do SIRESP.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas