Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
PSD quer clarificar estatuto remuneratório de trabalhadores da administração local
A iniciativa dos sociais-democratas foi apresentada pela deputada Sara Madruga da Costa.
O PSD entregou uma alteração à lei que estabelece os regimes de vinculação de carreiras e de remunerações dos trabalhadores que exercem funções públicas e que visa clarificar e harmonizar as situações dos trabalhadores de diferentes municípios.
A apresentação da iniciativa teve lugar na sede do PSD Madeira, onde a deputada Sara Madruga da Costa explicou que o Projeto de Lei irá resolver as questões de avaliação pendentes dos trabalhadores da administração local na Madeira.
“Com este projeto lei, cuja competência de aprovação é exclusiva da Assembleia da República, o PSD propõe uma norma interpretativa para acabar com as diferentes interpretações existentes em torno da Lei n.º 12-A/2008, de 27 de fevereiro e para acabar com a desigualdade entre os trabalhadores avaliados e não avaliados”, referiu a deputada.
Ao abrigo do referido diploma, vários municípios avançaram com a opção do posicionamento remuneratório atribuindo aos trabalhadores não avaliados, um ponto por cada ano de trabalho. No entanto, fruto da interpretação contrária do Tribunal de Contas, os municípios retrocederam nas decisões favoráveis aos trabalhadores, explicou Sara Madruga da Costa.
“Esta iniciativa legislativa é fundamental para a harmonização da reposição remuneratória dos trabalhadores da administração local”, disse Sara Madruga da Costa, sublinhando que “da aplicação das normas não deve resultar uma incerteza e uma desigualdade entre os trabalhadores avaliados e os não avaliados”.
“Consideramos que é da maior justiça que todos os trabalhadores da administração local sejam tratados da mesma forma, pela Lei, quanto ao reposicionamento remuneratório, com efeitos retroativos”, defendeu a deputada social-democrata.
A deputada social-democrata desafiou, assim, as restantes forças partidárias a votarem favoravelmente esta iniciativa do PSD, que “contribuirá para a reposição dos direitos dos trabalhadores da administração local”.

17-03-2017 Partilhar Recomendar
07-04-2017
Jorge Paulo Oliveira recorda que o Parlamento nunca legislou sobre a transferência de uma freguesia de um concelho para outro
    A afirmação foi proferida no debate de duas petições relativas à localização da freguesia de Milheirós de Poiares.
30-03-2017
Sociais-democratas querem acabar com a discriminação entre trabalhadores que exercem funções públicas
    Segundo Sara Madruga da Costa neste momento assiste-se a uma desigualdade de tratamento e a uma discriminação entre trabalhadores avaliados e trabalhadores não avaliados.
16-03-2017
Descentralização deve ser capaz de atenuar as desigualdades e de estimular as oportunidades
    Luís Montenegro considera que este processo visa a construção de uma organização do Estado adequada ao progresso social e económico do país.
16-03-2017
“PCP é o partido mais centralista do regime democrático português”
    Jorge Paulo Oliveira acusou os comunistas de olharem para os autarcas como sendo “gente perigosa que se vende aos interesses”.
16-03-2017
PSD propõe a constituição de uma Comissão sobre a descentralização de competências
    O anúncio foi feito pela deputada Berta Cabral.
16-03-2017
“Descentralizar competências para o poder local é um ato de inteligência do Estado”
    Emília Santos recordou que a descentralização não está apenas no discurso, mas também na prática do PSD.
02-03-2017
“A descentralização deve ser feita de forma ponderada e coerente”
    Bruno Coimbra avisou o executivo que esta reforma não pode avançar de forma “desgarrada ou aos bochechos”.
02-03-2017
“Investir na descentralização é investir no país”
    Jorge Paulo Oliveira reafirmou que o PSD está apostado em aprofundar o movimento descentralizador.
15-02-2017
PSD foi o primeiro partido a colocar a descentralização na agenda política
    Berta Cabral recordou que as propostas dos sociais-democratas já foram apresentadas no Parlamento.
10-02-2017
PSD defende a criação de um Programa para o Aproveitamento do Património Imobiliário Público
    Jorge Paulo Oliveira apresentou a iniciativa dos sociais-democratas que defende uma Cooperação entre o Estado e as Autarquias Locais.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas