Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Governo escolheu “caminhos errados” e por isso precisou de recorrer a um Plano B
António Leitão Amaro recordou que o PS falhou as suas previsões em matéria de crescimento económico, investimento e exportações.
No seguimento de uma declaração política do deputado João Galamba, que concluiu afirmando que os deputados do PSD precisavam de humildade para reconhecer que erraram, António Leitão Amaro afirmou que gostava de ver o socialista a fazer o mesmo exercício de humildade. “Senhor deputado João Galamba, arauto do segundo resgate, profeta do programa cautelar, que disse que Portugal estava numa espiral recessiva, advogado da governação sustentabilíssima de José Sócrates, quero ver esse seu exercício”.
De seguida, o Vice-Presidente da bancada do PSD recordou que o cenário macroeconómico que o PS levou a eleições falava num crescimento económico de 2,6% ao ano. “O que é que falhou para não crescermos 2,6% ao ano? O que é que aconteceu para que há um ano o seu Governo aqui estivesse a dizer que íamos crescer a 1,8%? O que é que aconteceu para os senhores terem dito que o investimento ia subir e ele tivesse descido? Que as exportações crescessem mais e afinal cresceram menos?”
Frisando que o PSD quer e considera positivo que haja crescimento económico e que haja consolidação orçamental, o social-democrata adiantou que isso não impede o PSD de considerar que “o crescimento é menor do que o ano anterior e que os senhores fazem um caminho errado”.
A terminar, António Leitão Amaro considerou que o Governo escolheu caminhos errados e que precisou de recorrer a um Plano B que significa quase um ponto percentual do PIB.
15-02-2017 Partilhar Recomendar
23-03-2018
PSD está contra a entrada da Santa Casa no Montepio
    Adão Silva anunciou que o PSD vai apresentar uma iniciativa que pede ao Governo que proíba essa entrada.
15-03-2018
Prevenção de incêndios: governo não aprendeu nada com o que aconteceu em 2017
    Fernando Negrão fala em dúvidas, hesitações, orientações contraditórias e instabilidade na Proteção Civil.
28-02-2018
"Não abdicamos de representar os portugueses que não se revêm neste governo”
    Santa Casa no Montepio: a nossa posição é muito clara, “somos contra”.
22-02-2018
PSD apoia diretiva que impõe regras mais estritas para proteger os pequenos investidores não qualificados
    Inês Domingo lamentou que o governo tenha demorado mais de um ano a transpor esta diretiva.
19-01-2018
Rubina Berardo apresenta proposta para apoiar os lesados do BANIF e do BES/GES
    A deputada criticou o governo por se “esconder no passado” e por ter feito regras à medida de alguns, deixando milhares de outros de fora.
05-01-2018
Serviços mínimos bancários: Carlos Silva lembra que o PSD apresentou medidas de justiça e equidade social
    Como consequência, recorda o deputado, estas contas duplicaram nos últimos dois anos.
07-12-2017
Relatório da Comissão de Inquérito à nomeação e demissão de António Domingues da CGD não teve a preocupação de relatar a verdade apurada
    Luís Marques Guedes denunciou ainda que a Comissão foi alvo de uma “sistemática prática de obstaculização e recusa no fornecimento de informação”.
07-12-2017
“É urgente minorar os mecanismos que permitem um entorse à celeridade e à boa instrução do processo das Comissões de Inquérito”
    José Pedro Aguiar-Branco, que presidiu à Comissão que analisou a nomeação e a demissão de António Domingues da Administração da CGD, anunciou que participou à Procuradoria-Geral da República várias entidades por ocultação de informação à Comissão.
29-11-2017
“Com a maioria de esquerda são os contribuintes a limpar e a pagar as contas dos bancos”
    Carlos Silva recordou que o governo já gastou 10 mil milhões de euros a apoiar a Banca com dinheiro dos contribuintes.
29-11-2017
Inês Domingos coloca em evidência a “incapacidade reformista do PS”
    No debate sobre o setor financeiro, a deputada afirmou que as “ideias soltas” do PS parecem “refletir uma falta de visão estruturada para o futuro do país”.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas