Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Governo escolheu “caminhos errados” e por isso precisou de recorrer a um Plano B
António Leitão Amaro recordou que o PS falhou as suas previsões em matéria de crescimento económico, investimento e exportações.
No seguimento de uma declaração política do deputado João Galamba, que concluiu afirmando que os deputados do PSD precisavam de humildade para reconhecer que erraram, António Leitão Amaro afirmou que gostava de ver o socialista a fazer o mesmo exercício de humildade. “Senhor deputado João Galamba, arauto do segundo resgate, profeta do programa cautelar, que disse que Portugal estava numa espiral recessiva, advogado da governação sustentabilíssima de José Sócrates, quero ver esse seu exercício”.
De seguida, o Vice-Presidente da bancada do PSD recordou que o cenário macroeconómico que o PS levou a eleições falava num crescimento económico de 2,6% ao ano. “O que é que falhou para não crescermos 2,6% ao ano? O que é que aconteceu para que há um ano o seu Governo aqui estivesse a dizer que íamos crescer a 1,8%? O que é que aconteceu para os senhores terem dito que o investimento ia subir e ele tivesse descido? Que as exportações crescessem mais e afinal cresceram menos?”
Frisando que o PSD quer e considera positivo que haja crescimento económico e que haja consolidação orçamental, o social-democrata adiantou que isso não impede o PSD de considerar que “o crescimento é menor do que o ano anterior e que os senhores fazem um caminho errado”.
A terminar, António Leitão Amaro considerou que o Governo escolheu caminhos errados e que precisou de recorrer a um Plano B que significa quase um ponto percentual do PIB.
15-02-2017 Partilhar Recomendar
21-04-2017
Governo das esquerdas já envolveu na banca mais de 10 mil milhões de euros dos contribuintes
    António Leitão Amaro afirmou que este Tempo Novo das Esquerdas traz negócios ruinosos para os contribuintes, mas generoso para os bancos.
05-04-2017
Venda do Novo Banco: Bloco, PCP, PS e Governo são responsáveis pelo mau negócio
    António Leitão Amaro alertou ainda para as consequências do perdão de dívida que o governo das esquerdas fez aos bancos à custa de todos os contribuintes.
22-03-2017
CGD: Luís Montenegro denuncia “privatização geringonçada”
    No debate quinzenal, o social-democrata questionou o Primeiro-Ministro sobre o encerramento dos balcões da Caixa e sobre a reforma curricular anunciada pelo Secretário de Estado da Educação.
09-03-2017
Ministro das Finanças defende a subordinação política dos reguladores e supervisores ao governo
    Duarte Pacheco considerou que isto é “inaceitável” e “altamente preocupante para o Estado democrático”.
09-03-2017
“Dirigentes do PS têm estado em manobras de intimidação dos fiscalizadores, reguladores e supervisores”
    Carlos Abreu Amorim frisou que estas entidades têm de ser independentes em relação aos regulados, mas também perante o poder político.
09-03-2017
A independência das instituições e da supervisão bancária está em risco
    António Leitão Amaro recordou vários episódios de ataques à independência das instituições e dos reguladores.
22-02-2017
Passos Coelho quer saber tudo sobre o caso das offshore e acusa o Governo de ocultação na Caixa
    Líder do PSD quer investigação “até às últimas consequências” das transferências para paraísos fiscais que terão escapado ao controlo do fisco.
17-02-2017
Rubina Berardo considera essencial o contínuo fortalecimento internacional da regulação financeira
    A deputada salientou a importância de um enquadramento claro, robusto e harmonizado das medidas sancionatórias aplicáveis.
15-02-2017
Comissão de inquérito à Caixa: Emídio Guerreiro fala em “lei da rolha”
    Deputado considera que o Parlamento vive dias em que alguns querem impor a sua opinião a todos.
15-02-2017
Comissão de inquérito à Caixa: esquerda construiu “um muro contra a verdade” num “boicote à democracia”
    Hugo Soares enfatizou que o “PS demitiu-se da descoberta da verdade” e encontrou no PCP e no BE os “cúmplices perfeitos”.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas