Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Novo regime jurídico aplicável ao Nadador-Salvador dá uma resposta adequada às necessidades de prevenção, vigilância e socorro aos cidadãos
António Prôa considera que o Executivo esteve bem ao apresentar este novo regime,

O Parlamento debateu, esta quarta-feira, a Proposta de Lei apresentada pelo Governo que pretende aprovar um novo regime jurídico aplicável ao Nadador-Salvador, bem como o Regulamento da respetiva atividade. Em nome do PSD, António Prôa recordou que esta iniciativa resulta da necessidade de conformar esta atividade com os requisitos de acesso, de certificação da formação e de certificação de equipamentos e instalações, com as disposições legais que resultaram da transposição para a ordem jurídica interna das Diretivas do Parlamento Europeu e do Conselho relativas aos serviços no mercado interno, ao reconhecimento das qualificações profissionais e ainda com o regime jurídico do Sistema de Regulação de Acesso a Profissões.

Segundo o social-democrata “se por um lado, com esta proposta, se conforma o exercício da profissão de Nadador-Salvador com as normas legais de acesso, qualificação e certificação profissionais, importa referir também a evolução que se constata no respetivo exercício, quer do ponto de vista da evolução da sofisticação técnica e científica, quer no que respeita às novas exigências de prevenção, vigilância e socorro.

Com efeito, os melhores acessos a zonas balneares resultantes de intervenções de requalificação de zonas costeiras, o aparecimento de novas zonas de lazer à beira-mar, bem como o incremento da prática balnear e de desportos aquáticos impõe a necessidade de garantir níveis adequados de segurança para os respetivos utentes”.

“Importa referir que, a propósito da segurança nas zonas balneares, tal dimensão se reveste, para além da evidente prioridade à salvaguarda e proteção da vida e bem-estar de todos quantos frequentam zonas balneares, de um relevante interesse estratégico para o país. Num país que promove o turismo balnear e náutico, a segurança e bem-estar, neste contexto, constituem um instrumento estratégico para o sucesso deste desígnio nacional. Neste sentido, torna-se pertinente esta alteração, que responde aos novos desafios, com medidas e sistemas de assistência a banhistas nos espaços aquáticos, eficientes e eficazes, tendo como objetivo a proteção das vidas humanas”.

Assim, considera António Prôa, estamos perante uma proposta que define e regula a atividade de Nadador-Salvador – profissionalizando-a e dando uma resposta adequada às necessidades tão importantes mas também tão sensíveis de prevenção, vigilância e socorro aos cidadãos. “Com este diploma: promove-se a atividade de Nadador-Salvador, criando novas oportunidades profissionais mas também de formação e certificação; melhoram-se as condições de segurança no exercício da profissão com recurso a meios e conhecimentos técnicos inovadores; criam-se diversas categorias de Nadadores-Salvadores, adequadas às diferentes responsabilidades e complexidades técnicas; Institui-se, também uma moldura de direitos e deveres aperfeiçoada; E ainda, regula-se a atividade de vigilância em piscinas de acesso público”.

12-02-2014 Partilhar Recomendar
12-04-2018
Paulo Rios de Oliveira: “o PS fugiu para o Mar”
    O deputado refere que os socialistas escolheram este tema para o debate porque não podem falar de saúde, educação e cultura.
12-04-2018
Economia do mar: “há ainda muitos entraves e desafios que urgem uma resposta do governo”
    Ulisses Pereira manifestou o descontentamento do PSD com a atuação do executivo e disse à Ministra do Mar que é preciso mais.
12-04-2018
Porto da Praia da Vitória: António Ventura acusa o PS de ter mudado de posição
    O social-democrata adiantou ainda que o executivo “governa com aparência e não com realidade”.
12-04-2018
Mar: Cristóvão Norte lamenta inoperância e falta de visão do governo
    O deputado considera que este não é um sector prioritário para o executivo.
12-04-2018
Helga Correia defende o desassoreamento urgente da ria de Aveiro
    A deputada criticou os atrasos do governo e sublinhou a importância das dragagens nas barras e portos de pesca da Póvoa de Varzim e Vila do Conde.
12-04-2018
Pedro do Ó Ramos acusa o governo de andar de anúncio em anúncio e de não concretizar
    O social-democrata deu exemplos de vários anúncios do governo cuja concretização ficou para as calendas.
06-04-2018
“É incompreensível que o país tenha assistido impávido à perda da marinha mercante”
    Cristóvão Norte destacou a importância da marinha mercante para a concretização de uma política marítima forte.
14-12-2017
“O Mar merece mais impulso político ao nível da pesca, da ciência, da indústria e do investimento”
    Ulisses Pereira desafiou o governo a voltar a abraçar a causa da Economia do Mar.
24-05-2017
Mar é oportunidade que o país ainda não aproveita a sério
    Cristóvão Norte considera que o mar é uma janela de oportunidades para o nosso país.
01-02-2017
Cristóvão Norte acusa o Governo de ter transformado o PETI3+ em PETI3-
    Segundo o parlamentar o executivo prevê fazer menos investimento público e uma menor criação de emprego.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas