Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
Carlos Abreu Amorim defende a possibilidade das universidades poderem contratar docentes
O deputado questionou o Primeiro-Ministro sobre esta matéria.

Carlos Abreu Amorim reconheceu que este Orçamento contém medidas penosas mas indispensáveis para que Portugal não venha a resvalar numa mendicidade indigente. No entender do Vice-Presidente da bancada do PSD, "os portugueses já compreenderam a imperiosa necessidade das medidas de austeridade que estão neste Orçamento".

Relativamente à autonomia local, o deputado referiu que as autarquias são uma excepção descentralizadora num país que parece obcecado com soluções centralistas. Segundo o deputado, o Primeiro-Ministro reuniu com a Associação Nacional de Municípios e vieram a público notícias de que existia uma disponibilidade para manter os limites do endividamento líquido, para a consignação das verbas objecto de rateio para projectos no âmbito do QREN e reabilitação urbana e para o fim da exigência de autorização do Ministro das Finanças para a necessidade de recrutamento. Face a esta cenário, e tendo em conta que relativamente às universidades tem-se levantado um conjunto de dúvidas em relação à possibilidade de contratação de docentes para projectos especiais e parceiras internacionais, Carlos Abreu Amorim perguntou a Passos Coelho se a abertura existente com as autarquias poderá ser estendida às universidades.

10-11-2011 Partilhar Recomendar
30-11-2011
“Este Orçamento indica-nos o caminho da esperança”
    A afirmação foi proferida por José Matos Rosa no encerramento do debate do Orçamento do Estado.
30-11-2011
“Com preconceitos ideológicos com a propriedade privada o nosso país seria inibido de muito investimento”
    Ângela Guerra lançou duras criticas às propostas do BE.
29-11-2011
Duarte Pacheco entende que com o debate do Orçamento foi feita democracia
    O social-democrata saudou, ainda, o PCP, BE e Verdes por serem coerentes e apresentarem sempre as mesmas propostas.
29-11-2011
Emídio Guerreiro pede “realismo” aos deputados do PCP e BE
    Em causa várias propostas que não têm em conta a realidade do país.
29-11-2011
“O Programa de Emergência social é uma prioridade do Governo”
    A afirmação foi feita por José Manuel Canavarro na discussão do Orçamento.
29-11-2011
Hugo Soares felicitou o esforço do Governo no pagamento das dívidas aos advogados
    Segundo o social-democrata já foram pagos mais de 6 milhões de euros.
29-11-2011
Afonso Oliveira defende a importância do Estado pagar aos seus fornecedores
    O social-democrata recordou que os atrasos criam situações insustentáveis em algumas empresas.
29-11-2011
Miguel Santos recordou as medidas do Governo para baixar os preços dos medicamentos
    O Vice-Presidente da bancada do PSD falava sobre a política do medicamento que este Executivo pretende implementar.
29-11-2011
Apoio do Governo às IPSS enaltecido por Mercês Borges
    A parlamentar destacou o papel destas instituições.
29-11-2011
Jorge Paulo Oliveira acusou o BE de querer “roubar” os rendimentos dos particulares
    Em causa uma proposta de cativação pública das mais-valias urbanísticas.
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas