Grupo Parlamentar do Partido Social Democrata
Facebook Twitter YouTube Sapo Vídeos Flickr instagram
Home Agenda Actualidade Deputados Direcção Galeria Contactos RSS
Plenário/Audiências/Comunicação Social/Comissões
Notícias/Plenário/Comissões
Por nome/Por comissão/Por círculo
Presidente/Direcção
Vídeos/Fotografias
 
PSD rejeita o fardo que o governo nos lega de estarmos a caminhar para a cauda da Europa
Emídio Guerreiro recorda que BE, PCP e PEV são cúmplices dos “orçamentos de mentira”.
No debate do último Plano de Estabilidade e Crescimento da legislatura, Emídio Guerreiro considerou que este é um excelente momento para se fazer um balanço do mandato, recuperando as promessas feitas e cruzá-las com os resultados.
Recorda o Vice-Presidente da bancada do PSD que Mário Centeno liderou uma equipa que em 2015 disse aos portugueses que com o PS o crescimento económico seria em 2016, 2,4%, 2017 3,1%, 2018 2,8% e em 2019 2,4%. “Prometeram ainda que a dívida pública estaria em 2019 em 117,8 % do PIB. Este é o ponto de partida para o balanço que se impõe fazer neste debate. Recordo que, infelizmente para os portugueses, não atingiram nenhum destes objetivos. As promessas e as intenções ficaram por cumprir”.
Lembra ainda o parlamentar que o prometido era... (ver mais)
Partilhar  
Programa de Estabilidade será chumbado pelos portugueses em outubro
António Leitão Amaro lembra que “o apoio ao PS tem andado como o crescimento”, mês após mês a cair e sempre a ser revisto em baixa.
No debate do Programa de Estabilidade, António Leitão Amaro referiu que este é um Programa que verdadeiramente “não é para cumprir”. “Nunca seria para cumprir, porque os senhores já nos habituaram que a carga fiscal é sempre maior que a que prometeram e o investimento público é sempre muito menor”.
Contudo, adianta o Vice-Presidente da bancada do PSD, o Programa de Estabilidade não é para cumprir porque será chumbado. “Talvez não aqui, hoje, porque com a sua habitual hipocrisia política, Bloco e PCP vamos ouvi-los a criticar e a vociferar, mas chegado o voto vai lá sempre, sempre junto e a poiar a estratégia e opção política deste governo. Mas este Programa será chumbado pelos portugueses em outubro. Senão veja-se: o apoio ao PS tem andado como o crescimento, mês... (ver mais)
Partilhar  
Deputados do PSD questionam o governo sobre as condições no Hospital de Cantanhede
Os parlamentares reclamam “melhores condições e meios” para o Hospital Arcebispo João Crisóstomo.
O Grupo Parlamentar do PSD reclamou do Governo “melhores condições e meios” para o Hospital Arcebispo João Crisóstomo, em Cantanhede. Numa pergunta dirigida à Ministra da Saúde, os parlamentares questionaram “o reforço de recursos humanos (…) nos últimos quatro anos”, especialmente desde dezembro de 2018.
Nesse mês, a Assembleia Municipal de Cantanhede aprovou uma moção com várias reivindicações intitulada “Por serviços de saúde de qualidade no município de Cantanhede”, distrito de Coimbra.
Por outro lado, na área dos cuidados de saúde primários e através da interpelação enviada a Marta Temido, os deputados querem saber “se já foi dado cumprimento pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Centro ao acordo celebrado com a Câmara de Cantanhede, relativo ao... (ver mais)
Partilhar  
PSD desafia todos os partidos para resolver o problema da Segurança Social
Fernando Negrão frisou que a resolução deste problema não pode continuar a ser adiada.
Fernando Negrão questionou a António Costa como foi possível que em dia e meio esta situação dos combustíveis tenha atingido estas proporções. No debate quinzenal com o Primeiro-Ministro, o líder parlamentar do PSD recordou que ontem assistimos a um país em sobressalto, com bombas de gasolina fechadas, aviões desviados e transportes em risco, especialmente os transportes que dizem respeito às forças de segurança e forças de emergência. Tendo em conta a gravidade da situação, o parlamentar quis saber se o governo fez tudo o que podia, se avaliou as consequências, se preveniu as consequências e o que levou o governo a decretar os serviços mínimos apenas para Lisboa e para o Porto, esquecendo o restante território nacional.
Abordado este tema de atualidade, o... (ver mais)
Partilhar  
Defender o CINM é defender a Madeira
Os sociais-democratas eleitos pela região reuniram com a Associação dos Profissionais do Centro Internacional de Negócios da Madeira.
Os deputados do PSD eleitos pela Região Autónoma da Madeira reuniram no Funchal com a APCINM - Associação dos Profissionais do Centro Internacional de Negócios da Madeira.
Mais uma oportunidade para reiterarem a importância deste Centro, conforme destacou a deputada social-democrata Sara Madruga da Costa que, na ocasião, vincou que “defender o CINM é, sem dúvida, defender a Madeira”.
“É defender os cerca de 3.000 postos de trabalho aqui existentes, a receita fiscal que daqui advém e que é importantíssima para a prestação de serviços públicos aos madeirenses e porto-santenses, é defender um instrumento fundamental para o futuro da nossa Região", reforçou,... (ver mais)
Partilhar  
Pedro Alves acusa o governo de querer discriminar os professores
O deputado lembra que o executivo enganou deliberadamente os professores.

Partilhar  
Professores: PSD defende a contabilização integral do tempo de serviço congelado
Margarida Mano assume que este é o compromisso de governo que os sociais-democratas estão prontos para assumir a partir de outubro.
O PSD levou a debate, esta terça-feira, a Apreciação Parlamentar do Decreto-Lei do governo sobre o tempo de serviço dos professores. Em nome do PSD, Margarida Mano enfatizou com este é um debate marcado a várias vozes: a voz de mais de 20 mil cidadãos que apresentaram uma Iniciativa Legislativa, as apreciações parlamentares e a voz das 10 organizações sindicais, com uma Petição que recolheu mais de 60 mil assinaturas.
De seguida, o Vice-Presidente da bancada social-democrata afirmou que o PSD está presente neste debate com uma proposta. “E está presente por duas razões: primeiro porque o Governo criou um problema, demorou dois anos a fazer de conta que o resolvia e, depois de muita ambiguidade, incompetência e sobranceria, eventualmente deslumbrado na mestria de... (ver mais)
Partilhar  
PSD apresenta propostas de alteração ao regime das sociedades de investimento e gestão imobiliária
Jorge Paulo Oliveira afirmou que os sociais-democratas pretendem atrair investimento para a dinamização do mercado imobiliário.

Partilhar  
Violência Doméstica: Ângela Guerra defende a importância de consensos políticos
A parlamentar frisou que o Parlamento tem a responsabilidade de dar resposta a todas as vítimas deste crime.

Partilhar  
Violência Doméstica: “é preciso mais luta contra o luto”
Sandra Pereira apresentou 5 iniciativas do PSD para combater este flagelo.
“A violência contra as mulheres e, em especial a violência doméstica, é uma das mais graves formas de violação dos direitos humanos, e nestes quase 4 meses decorridos de 2019 despertámos coletivamente para a necessidade de atuar persistentemente e sem contemplações na prevenção e combate da violência doméstica”. Foi com estas palavras que Sandra Pereira iniciou a sua intervenção, esta terça-feira, na apresentação de 5 iniciativas do PSD de combate à violência doméstica.
De acordo com a deputada, ainda há muito a fazer em relação à prevenção e combate a este tipo de crime. A esse propósito, recorda, “temos assistido a um desinvestimento na área da formação dos magistrados ao nível da violência doméstica. A formação das magistraturas, no que à violência doméstica diz... (ver mais)
Partilhar  
Seguinte Último
Galeria Vídeos
Galeria Fotos
Intranet GPPSD
Dossiers Temáticos
Canal Parlamento
Agenda
Newsletter
Submeta a sua Notícia
Links
Partido Social Democrata
Instituto Francisco Sá Carneiro
Grupo Europeu PSD
Juventude Social Democrata
Trabalhadores Social Democratas